Roraima

Secult lança editais de fomento à cultura por meio da Lei Aldir Blanc Destaque

Publicados

em


O Governo de Roraima, por intermédio da Secult (Secretaria da Cultura), publicou os editais emergenciais de seleção e premiação de projetos ligados à cultura e à economia criativa, conforme disposto na Lei Aldir Blanc (Lei nº 14.017, de 29 de junho de 2020).

Ao todo, são 11 instrumentos de seleção pública para investimento de R$ 11 milhões em diversos segmentos da cadeia produtiva da cultura e economia criativa. São eles: audiovisual, música, artesanato, literatura, artes cênicas, artes visuais, cultura alimentar, cultura indígena, cultura popular e afro-brasileira, economia criativa e gestão, pesquisa, difusão e capacitação nas áreas da cultura, economia criativa e patrimônio histórico.

De acordo com o secretário da pasta, Johnson Castro, os editais foram construídos em diálogo com a classe artística, demonstrando o compromisso do Governo na formação de políticas públicas com participação ativa da sociedade civil, em especial dos fazedores da cultura.

“O objetivo dos prêmios é reconhecer, valorizar e incentivar as práticas artísticas de criação, de transmissão de saberes, bem como iniciativas de preservação da memória, das expressões e das manifestações culturais do Estado. Por meio dos editais, será possível promover os bens culturais que enaltecem a identidade roraimense, nesse processo que é o maior investimento da história da cultura de Roraima”, ressaltou.

Leia Também:  Coronavírus em SC: Plano de Contingência da Educação catarinense é destaque entre os estados brasileiros

Inscrições

As inscrições serão gratuitas e estarão abertas a partir da próxima quarta-feira, 25 de novembro, com término previsto no dia 2 de dezembro.

Os interessados podem realizar as inscrições nos e-mails previstos nos editais, bem como de forma presencial no Departamento de Promoção Cultural da Secretaria da Cultura, localizado no Palácio da Cultura Nenê Macaggi – Praça do Centro Cívico, Nº 84, das 8h30 às 12h30.

Lei Aldir Blanc

A Lei Aldir Blanc de Emergência Cultural surgiu com o objetivo de auxiliar trabalhadoras e trabalhadores da Cultura, bem como espaços culturais brasileiros, severamente afetados pela pandemia da COVID-19.

Confira os editais:

Os editais estão disponíveis no site da Secretaria http://www.secult.rr.gov.br/https://drive.google.com/drive/folders/10dmQ4EoofelM5kVV2irsftFefSlMCznK?usp=sharing

 

Fonte: Governo RR

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Roraima

INVESTIMENTO NA SAÚDE | Hemoraima ganha novo equipamento para modernizar a doação de sangue Destaque

Publicados

em


Na Semana do Doador Voluntário, as pessoas que comparecerem ao Hemoraima (Centro de Hemoterapia e Hematologia de Roraima) tem percebido uma dinâmica diferente na doação de sangue.

É que a Unidade conta agora com um Hemoglobinômetro não invasivo, um equipamento moderno, que possibilita a realização do teste de verificação de hemoglobina sem precisar passar pela picadinha, um temor para muitas pessoas.

E com essa tecnologia, o teste é realizado por um sensor infravermelho, sem risco de contaminação e com resultado confiável em até 90 segundos.

“Com a chegada desse equipamento Roraima passa a ser o primeiro estado da Região Norte a contar com a inovação. E essa aquisição é mais uma estratégia do Governo de Roraima para o trabalho de reestruturação da saúde. Quando assumimos a pasta recebemos a missão de enfrentar os problemas, buscar as soluções e fazer as coisas acontecerem e hoje mostramos que é possível promover as mudanças que a saúde tanto precisa”, esclarece o secretário Marcelo Lopes. 

Wandson Cruz, enfermeiro do Hemoraima, realizou o treinamento no mesmo dia da chegada do aparelho e explica que o manuseio é simples e seguro.

Leia Também:  COMUNICADO Destaque

“É fundamental a gente ter na unidade uma ferramenta como essa, pois a tecnologia avançou de forma que podemos substituir a punção digital, que usávamos antes para verificar a hemoglobina, que é um exame pré-requisito para saber se a pessoa tem anemia, ou seja, esse aparelho serve para fazer essa verificação, porém, sem nenhum incômodo, sem nenhuma furada, apenas um sensor”, enfatizou o enfermeiro.

Wandson ressalta que o tempo do doador na sala de espera também será algo que terá benefícios, pois o novo equipamento permite a junção da pré-triagem e da triagem em um só local.

“Com esse aparelho iremos diminuir o tempo de espera do doador de sangue, porque, enquanto o doador estiver fazendo a entrevista, já vai realizar o teste durante o próprio atendimento. Então, unificamos a pré-triagem e a triagem em um único local”, complementou.

O equipamento, da marca OrSense, foi adquirido com recursos próprios é um dos mais modernos no mercado.

“Temos mais projetos inovadores para implantar no Hemoraima, entre eles, a reorganização da análise clínica, possibilitando que exames sejam realizados aqui mesmo e não em Manaus como é feito atualmente, o que nos deixará em uma condição mais tranquila em relação ao abastecimento do estoque de sangue. Vamos continuar o trabalho para promover as mudanças necessárias, para garantir que a população tenha o atendimento que precisa de forma digna e de qualidade”, finalizou o secretário.

Leia Também:  TV Cultura confirma debate entre candidatos à prefeitura de São Paulo

 

Fonte: Governo RR

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA