Roraima

REDUÇÃO DE CRIMES | Estado de Roraima tem queda de 21% em crimes violentos letais intencionais Destaque

Publicados

em


O estado de Roraima registrou queda de 21% nos crimes violentos letais intencionais entre os meses de janeiro e dezembro de 2020, na comparação com o mesmo período de 2019. A redução engloba as vítimas de homicídio doloso, roubo seguido de morte e lesão corporal seguida de morte. Foram registradas 157 vítimas nos 12 meses de 2020 e 199 em 2019. Os dados constam de levantamento divulgado pela Polícia Militar de Roraima do governo estadual. São considerados os registros de ocorrência lavrados pela PM. Quando comparados a 2018, a redução é ainda maior, chegando a 52%. O governador Antonio Denarium explicou que a manutenção na redução dos casos é fruto do investimento feito pelo governo de Roraima na segurança pública.

“A estabilização do sistema prisional e o investimento que fazemos na manutenção das estruturas de segurança pública é que fazem com que hoje tenhamos esses índices reduzimos. A Segurança Pública é uma das prioridades na minha gestão e não tenho medido esforços para reduzir esses índices” O comandante da Polícia Militar coronel Francisco Xavier explicou que o estado de Roraima consegue manter a redução há 2 anos seguidos.

Leia Também:  SOLIDARIEDADE Doações de leite materno e frascos de vidro mantêm ativo o Banco de Leite da Maternidade Destaque

 “A Polícia Militar tem colocado seu policiamento a partir do que detectamos no mapa térmico. Onde percebemos maior incidência de crimes fazemos o policiamento preventivo e estamos investindo mais no corredor comercial e bancário por isso a grande redução de furtos e roubos aferido pelo Centro de Operações”.

 

 

Fonte: Governo RR

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Roraima

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO Destaque

Publicados

em


O Governo de Roraima, por meio da Sesau (Secretaria de Saúde), e do COERR (Centro de Operações Especiais de Saúde Pública de Roraima) torna pública a divulgação do BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO PARA ATUALIZAÇÃO SOBRE O CORONAVÍRUS.

A divulgação da situação epidemiológica com relação à doença faz parte do Plano de Contingenciamento montado pelas autoridades de saúde do Estado. As publicações vão ocorrer diariamente no site da Sesau (www.saude.rr.gov.br) e no portal roraimacontraocorona.rr.gov.br.

A nova atualização informa o Estado contabiliza até o momento 147.840 notificações para a COVID-19, de acordo com os critérios de definição de caso do Ministério da Saúde.

Destes 69.029 foram confirmados, sendo 14.189 por RT-PCR e 54.840 por teste rápido, 78.811 foram descartados, sendo 15.052 por RT-PCR e 63.759 por teste rápido e 789 óbitos.

Com relação apenas as confirmações para a doença, 839 em Alto Alegre, 592 no Amajari, 51.909 casos foram notificados em Boa Vista, 1.341 em Bonfim, 1.432 no Cantá, 1.393 em Caracaraí, 1.208 em Caroebe, 621 em Iracema, 1.529 em Mucajaí, 412  em Normandia, 1.770 em Pacaraima, 1.964 em Rorainópolis, 908 em São João da Baliza, 280 em São Luiz e 1011   em Uiramutã.

Leia Também:  Incerteza da economia tem segunda queda consecutiva, diz FGV

Já sobre os casos descartados, 1.152 em Alto Alegre, 776 em Amajari, 60.545 notificações ocorreram em Boa Vista, 2.128 em Bonfim, 900 no Cantá, 1.773 em Caracaraí, 1.349 em Caroebe, 837  em Iracema, 1.910 em Mucajaí, 403 em Normandia, 685 em Pacaraima, 2.790 em Rorainópolis, 995 em São João da Baliza, 440 em São Luís e 422 em Uiramutã.

O Estado também contabiliza 789 óbitos por Coronavírus (COVID-19), 18 em Alto Alegre, 16 em Amajarí, 577 no município de Boa Vista, 14 no Bonfim, 16 no Cantá, 17 em Caracaraí, 08 em Caroebe, 07 em Iracema, 18 em Mucajaí, 21 em Normandia, 29 em Pacaraima, 28 em Rorainópolis, 03 em São João da Baliza, 05 São Luiz e 06 em Uiramutã.

Além disso, 66.262 pacientes diagnosticados com a doença receberam alta de isolamento e encontram-se recuperados.

Deste total, 813  em Alto Alegre, 555 em Amajari, 49.690 são de Boa Vista, 1.320 de Bonfim, 1.409 no Cantá, 1.365 em Caracaraí, 1.190 em Caroebe, 600 em Iracema, 1.393 em Mucajaí, 388 em Normandia, 1.753 em Pacaraima, 1.935 em Rorainópolis, 893 em São João da Baliza, 189 de São Luiz e 1000 em Uiramutã.

Leia Também:  NOTA DE SERVIÇOS ESSENCIAIS Destaque

Por conta do crescimento de casos, a OMS (Organização Mundial de Saúde) declarou que o mundo vive uma pandemia da doença.

Fonte: Governo RR

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA