RIO GRANDE DO NORTE

Governo do RN aguarda definição do MDR para iniciar execução do Projeto Seridó

Publicados

em


.

 

O Governo do Estado, por meio da Secretaria Estadual do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), está preparado para iniciar o processo de licitação das obras de execução do Projeto Seridó. Para isso, aguarda sinalização por parte do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), sobre a formalização de parte do convênio, no valor de R$178 milhões.

“O Estado do Rio Grande do Norte já inseriu na plataforma ‘Mais Brasil’ todos dados necessários para a aprovação do convênio, conforme orientação do próprio governo federal. Em recente reunião com o ministro Rogério Marinho, entreguei, em mãos, todo o plano de execução de parte do convênio, orçado em R$ 178 milhões. Vamos continuar lutando para que essa obra estruturante e tão grandiosa para os seridoenses saia do papel. Temos todas as condições técnicas e expertise profissional e estamos prontos para executá-la”, ressalta a governadora Fátima Bezerra. 

O secretário da Semarh, João Maria Cavalcanti, explica que o projeto, que foi finalizado pela pasta no início desse ano e já tinha sido apresentado ao Ministro Gustavo Canuto, prevê a implantação de dois eixos adutores dividido entre Seridó Norte e Seridó Sul. “O valor total do projeto é de R$ 280 milhões, mas nesse primeiro momento o MDR só disponibilizou um montante de R$ 160 milhões para o Estado entrar com uma contrapartida de R$ 18 milhões. Planejamos, então, iniciar a implantação do eixo Norte, que tem a captação na barragem Armando Ribeiro e leva água para Florânia, São Vicente, Cruzeta, Currais Novos, Acari, cidades mais castigadas pela estiagem” explica o titular da Semarh.
.
O Projeto Seridó está incluído no Plano Nacional de Segurança Hídrica, o que reforça sua importância. Ele consiste num plano básico de sistemas adutores, bem com suas interligações entre grandes reservatórios, que visa a garantia de suprimento de água para consumo humano e atividades produtivas da região. O projeto consiste na construção de um sistema com sete adutoras totalizando 300km de extensão. Ele vai dar sustentabilidade hídrica para o abastecimento humano para os próximos 50 anos da população do Seridó e vai permitir que os perímetros irrigados e açudes da região possam se manter perenes atendendo também o setor produtivo.

Leia Também:  Debate virtual tem como tema crianças e adolescentes em situação de rua

O Eixo Seridó Sul é composto por vários trechos dispostos no território, cada um exercendo uma função específica no contexto da solução conjunta, e que considera o aporte do sistema operacional do Projeto de Integração do São Francisco (PISF) na bacia do rio Piranhas – Açu e um reforço com a utilização das águas da futura Barragem de Oiticica.

Fonte: Governo RN

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

RIO GRANDE DO NORTE

Campeonato Estadual: Governo do RN apoia projeto Futebol em Casa

Publicados

em


.
Sandro Menezes/ASSECOM-RN

Em mais uma ação de combate à pandemia, o Governo do RN recebeu nesta segunda-feira (03) o presidente da Federação Norte-rio-grandense de Futebol (FNF), José Vanildo, e os dirigentes dos dois maiores clubes do Estado, ABC F.C e América F.C, Ubirajara Marques e Leonardo Bezerra, respectivamente, para tratar detalhes da retomada do campeonato estadual de futebol. Na ocasião, foi apresentado o projeto Futebol do RN em Casa – Campanha Educativa, através do qual os torcedores assistirão aos jogos em casa, por meio de uma plataforma digital, a partir do dia 10 de agosto, uma vez que os jogos serão realizados com os portões fechados para o público.

A governadora Fátima Bezerra confirmou o apoio do Governo ao projeto e elogiou a iniciativa da FNF, realizada em consonância com os clubes, argumentando que o mesmo está alinhado com os parâmetros sanitários adotados pelo Estado para a retomada gradual das atividades econômicas, desportivas e religiosas. “É dever nosso ter inserido o futebol nos programas RN+Protegido e RN+Unido, porque estamos cientes de que se ABC e América, que são os maiores clubes, têm dificuldades para adotar as medidas de biossegurança, imaginem os outros que compõem o campeonato. A ideia do projeto é muito boa e está totalmente alinhada com as nossas diretrizes, porque a pandemia não acabou e é preciso que mantenhamos todos os cuidados”.

Fátima se referiu à ação realizada sábado, dia 1º, em que o Governo do Estado entregou 10 mil máscaras, 150 protetores faciais, 150 litros de álcool 70%, 60 litros de sabonete líquido e 600 pares de luvas para a FNF e para os oitos clubes que disputam o campeonato estadual: ABC, América, Globo, Força e Luz, Santa Cruz, Assu, Palmeira de Goianinha e Potiguar de Mossoró. O material, cujo valor aproximado é R$ 25 mil, será utilizado por atletas, treinadores, dirigentes e todo o pessoal envolvido na realização dos jogos, a fim de que possam cumprir as medidas protetivas contra a Covid-19.

“A senhora tem dado demonstração de firmeza e amizade em prol do futebol potiguar. Eu não abro mão da sua participação e do apoio do governo. Estamos aqui também para agradecer à ação que nos possibilitou receber todos os equipamentos fundamentais para uma retomada segura, que vai possibilitar aos clubes atuarem de acordo com os protocolos de saúde”, disse José Vanildo. Ele afirmou que o projeto Futebol em Casa, cuja gestão está sendo compartilhada com os clubes, vai reinventar o futebol potiguar, de modo a manter o torcedor em casa para preservar a sua vida e da sua família.

A arrecadação das transmissões será dividida entre os oito clubes do campeonato, sendo 30% para o ABC, 30% para o América e o restante dividido em percentuais menores para os demais clubes. Presente à reunião, o secretário de Estado da Tributação, Carlos Eduardo Xavier, acrescentou que o Governo vai firmar parceria através do programa Nota Potiguar. 

Os presidentes dos clubes agradeceram tanto a ação de distribuição dos materiais e equipamentos de segurança sanitária, quanto o apoio garantido ao projeto Futebol em Casa. “Consideramos fundamental agradecer todo apoio que está sendo dado e espero que a gente possa ampliar nossos laços. Não vamos abrir mão de todos os protocolos sanitários. A saúde é muito mais importante para nós do que a economia”, afirmou Bezerra.

Para Marques, a vida de todas as pessoas envolvidas no futebol está acima de tudo. “A gente agradece bastante tudo o que está sendo feito. O ABC teve uma dificuldade financeira enorme e estamos vendo formas de retomar nossa economia. Mais uma vez, muito obrigado, porque sabemos que fortalecer o futebol potiguar enaltece o nome do Rio Grande do Norte”, argumentou.

O vice-governador Antenor Roberto também participou da reunião e elogiou bastante o projeto de retomada do campeonato, que se baseia na campanha educativa de que ficar em casa é ainda a maneira mais correta de evitar a Covid-19. “É preciso que mantenhamos todos os cuidados com a higienização. O projeto vem muito bem a calhar. E reforçando o que a governadora falou, a pandemia não acabou”, ressaltou.

O Campeonato Estadual de Futebol será retomado de forma segura, dentro dos protocolos de biossegurança, com o jogo América x Globo, às 20 horas do dia 10 de agosto. Ao todo, serão realizados 10 ou 11 jogos, a depender dos resultados.

Fonte: Governo RN

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Governo cria grupo de trabalho para debater violência contra a população negra
Continue lendo

DISTRITO FEDERAL

GOIÁS

SEGURANÇA

BRASIL E MUNDO

MAIS LIDAS DA SEMANA