RIO DE JANEIRO

Ceperj e Enap lançam curso sobre aulas remotas para servidores

Publicados

em


Ceperj e Enap lançam curso sobre aulas remotas para servidores

17 de outubro de 2020

Com o objetivo de capacitar servidores públicos que desejam adquirir competências para planejar e ministrar aulas remotas, a EGPP (Escola de Gestão e Políticas Públicas da Fundação CEPERJ) lança, em parceria com a Enap, o curso “Didática para Facilitação de Aulas Remotas”. As inscrições vão até o dia 23 de outubro. A capacitação faz parte do Programa Enap em Rede, uma parceria entre as instituições para o oferecimento de capacitações técnico-gerenciais.

Neste curso, que é gratuito, haverá exposições dialogadas, apresentação de miniaulas, exercícios individuais e em grupos, entre outras atividades. 

A grade foi desenvolvida para o público alvo de professores ou coordenadores pedagógicos. No entanto, o curso pode ser feito também por outros servidores públicos que desejam adquirir competências para atuar como facilitadores de aprendizagem por meio de plataformas de transmissão.

A ideia é que, ao final da capacitação, o participante seja capaz de analisar as condições de aprendizagem dos adultos e suas implicações para o processo de ensino-aprendizagem nos mais variados ambientes proporcionados pelo ensino à distância.

Leia Também:  Polícia Civil oferta cursos com foco na melhoria da gestão pública, tecnologia e táticas de operação

Entre outras habilidades, o aluno deste curso será capacitado para que possa adotar as melhores estratégias de ensino e recursos didáticos para transmissão de aulas online, que favoreçam a participação ativa e a postura reflexiva dos aprendizes adultos. Ele também deverá ser capaz de apontar melhorias e identificar estratégias de ensino. 

A carga horária é de 35 horas e o certificado é emitido na própria plataforma. 

As aulas serão realizadas no período de 9 a 20 de novembro, teletransmitidas ao vivo pela plataforma Zoom. Haverá um colaborador da CEPERJ durante toda a transmissão para auxiliar o professor e os alunos. 

Conheça os principais tópicos do curso:

  • Educação de adultos: fundamentos teóricos aplicados a facilitação de aulas remotas;

  • Teoria de aprendizagem experiencial de Kolb;

  • Organização e desenvolvimento do processo de ensino-aprendizagem: planejamento de atividades para ambientes síncronos e assíncronos;

  • Elaboração de objetivos de aprendizagem;

  • Estratégias e técnicas de ensino para facilitação de aulas remotas;

  • Melhores práticas no uso de recursos didáticos aplicáveis em ambiente virtual;

  • Relação professor-aluno: delimitação de responsabilidades dos diferentes atores na facilitação de aulas remotas.

 

Leia Também:  Detran reabre mais onze postos para serviços de veículos

SERVIÇO

 

Curso “Didática para Facilitação de Aulas Remotas”

 

Inscrições até 23 de outubro 

 

Link para inscrição: https://suap.enap.gov.br/portaldoaluno/curso/929/

 

Vagas limitadas 

 

As aulas serão realizadas no período de 09/11 a 20/11, no horário de 14h00 às 17h30 (Horário de Brasília). Segundas, quartas e sextas (transmissão online, aulas síncronas)

 

A transmissão será ao vivo pela plataforma Zoom.

 

Haverá um colaborador da CEPERJ durante toda a transmissão para auxiliar professor e os alunos. 

 

Curso gratuito.

Fonte: Governo RJ

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

RIO DE JANEIRO

Aulas presenciais retornam essa semana em 13 municípios, incluindo a capital, Niterói e Caxias

Publicados

em


Aulas presenciais retornam essa semana em 13 municípios, incluindo a capital, Niterói e Caxias

19 de outubro de 2020

 

A partir desta terça-feira (20/10), estão suspensas as aulas presenciais nos municípios de Macaé, São Francisco de Itabapoana e Carapebus, situados na Região Norte fluminense, que hoje passou para a bandeira laranja (risco moderado) de contágio da Covid-19.  Com a retirada das cidades da lista da Secretaria de Educação, a retomada das atividades nas escolas continua esta semana em 13 municípios. No restante do estado, as atividades pedagógicas serão exclusivamente remotas. Mesmo sem aulas presenciais, todas as escolas da rede ficarão abertas para que os estudantes retirem o material didático, além do kit alimentação.

 

A partir de amanhã, serão 397 escolas estaduais com aulas presenciais em todo o estado. Juntas, essas unidades somam 60,8 mil alunos que poderão optar por voltar às aulas presenciais na segunda-feira. Os municípios da lista de flexibilização são: Casimiro de Abreu; Duque de Caxias; Italva; Itatiaia; Mesquita; Miracema; Natividade; Nilópolis; Niterói; Piraí; Rio de Janeiro; São Pedro da Aldeia e Seropédica.

 

Leia Também:  Estado planeja retomada do turismo e reabertura dos espaços culturais com protocolos de segurança

Dentro dos municípios que vão retornar, 24 escolas não iniciarão suas aulas presenciais com as demais, uma vez que suas equipes de direção declararam fazer parte do grupo de risco da Covid. Ao longo da semana, a Secretaria de Educação providenciará uma solução administrativa para a retomada das atividades.

 

Veja os nomes das unidades escolares que não voltam esta semana:

 

Rio de Janeiro (19 escolas)

CE Agostinho Neto

CE Bangu

CE Barão de Santa Margarida

CE Barão do Rio Branco

CE Deborah Mendes De Moraes

CE Engenheiro João Thomé

CE Francisco Caldeira de Alvarenga

CE George Washington

CE Professor Ney Cidade Palmeiro

CE Professora Jeannette De Souza Coelho Mannarino

CE Professora Vilma Atanázio

CE Stuart Edgar Angel Jones

CE Júlia Kubitschek  

CIEP 205 Frei Agostinho Fíncias

CE Chiquinha Gonzaga

CE João Alfredo

CE Souza Aguiar

CE André Maurois

CE Professor Antonio Maria Teixeira Filho

 

Niterói

Liceu Nilo Peçanha

 

Leia Também:  Polícia Civil oferta cursos com foco na melhoria da gestão pública, tecnologia e táticas de operação

Mesquita

CE Ana Neri

 

Casimiro de Abreu

CE Santa Maria

CE Indaiaçu

CE Rio Dourado

Fonte: Governo RJ

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

DISTRITO FEDERAL

GOIÁS

SEGURANÇA

BRASIL E MUNDO

MAIS LIDAS DA SEMANA