Pará

Salinas tem movimento tranquilo e praias fechadas no domingo de Carnaval

Publicados

em


Em Salinópolis, nordeste do estado, o final de semana de carnaval segue tranquilo e sem grandes movimentações de pessoas e carros nas ruas e na praia do Atalaia, um dos pontos mais procurados pelos turistas, especialmente durante o feriado prolongado de Carnaval.

As medidas e ações ostensivas de fiscalização e bloqueios de acesso às praias do município, em razão do cumprimento ao Decreto Governamental 800/2020, que visa o enfrentamento à proliferação da Covid-19, seguem 24h sob a coordenação da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup) com os órgãos de segurança do Estado.

Para o secretário Adjunto de Operações da Segup, coronel Alexandre Mascarenhas, o planejamento montado, para dar cumprimento ao decreto, está sendo mantido com fiscalização e patrulhamento a fim de evitar que as pessoas descubram com as medidas estabelecidas.

“Continuaremos por todo esse período, até que o decreto esteja em vigência, com rondas e fiscalizações nos estabelecimentos e na faixa de areia com o intuito de garantir as medidas de segurança a fim de evitar a contaminação pelo novo coronavírus”, ressaltou o secretário.

Leia Também:  Movimento nos aeroportos deve ser 41% menor neste fim de ano

Efetivo – Participam das ações, os órgãos do Sistema de Segurança, coordenados pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Estado (Segup). Atuam em Salinas mais de 200 agentes envolvendo as Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, Departamento de Trânsito do Estado (Detran) e ainda da Defesa Civil. Além de 40 viaturas , entre quatro e duas rodas e ainda um helicóptero do Graesp

Fonte: Governo PA

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Pará

Imprensa Oficial e Fumbel querem publicar obra literária sobre Belém

Publicados

em


Fazer uma obra que represente Belém, a capital do Pará, solicitar a doação de livros do acervo da Imprensa Oficial do Estado do Pará (Ioepa) para uma biblioteca comunitária e firmar uma parceria entre a Fundação Cultural do Município de Belém (Fumbel) e a Editora Pública Dalcídio Jurandir, da Ioepa. Esses foram os três assuntos discutidos em reunião na sede da Imprensa Oficial, por Thiago Campelo e Moisés Alves, da Ioepa, e Fernando Tupiassu, da Fumbel, na última terça-feira (23).

Moisés Alves, coordenador da Editora da Ioepa, disse que foi acertada a elaboração, em parceria, de um edital público. “É um edital que vai selecionar uma obra que vá buscar a memória e o patrimônio de Belém. Nós, da Ioepa, temos todo o interesse de estabelecer e selar essa parceria. Vamos trabalhar para que a obra seja lançada em 12 de janeiro de 2022, no aniversário de Belém”, informou o coordenador.

De acordo com Fernando Tupiassu, o objetivo do edital público é colocar em prática a editoração, edição, impressão e lançamento de um livro de literatura, em qualquer categoria, desde romance à obra infantil, que melhor represente a cidade de Belém.

Leia Também:  Vestibular 2020.2 da Uece começa domingo com quase 12 mil candidatos
Fonte: Governo PA

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA