MUNDO

CIA compartilha teste de observação  para aspirantes a espiões

Publicados

em


source
cia
Getty Images

Algumas pessoas disseram que resolveram o desafio em menos de um minuto


A CIA, Central Intelligence Agency (Agência Central de Inteligência, em inglês) dos EUA, lançou o desafio de testar se as pessoas têm olhos afiados e atenção aos detalhes necessários para se tornar investigadoras .

Apenas as mentes mais perspicazes passam pelo processo de seleção para a agência, que tem a tarefa de coletar e analisar informações de segurança de todo o mundo. Na sua conta oficial no Twitter, foram compartilhadas duas fotos da mesma cena, desafiando os usuários a identificar dez pequenas diferenças entre as imagens – mas alguns descobriram que era uma pegadinha.

cia
Reprodução

Teste desafiou usuários na internet


“Teste suas habilidades de observação. Você consegue identificar as 10 diferenças na foto abaixo? Verifique novamente amanhã para ver se encontrou todas”, diz o tweet. Muitas pessoas tentaram e não conseguiram encontrar todas.


Algumas das mudanças mais óbvias incluem um homem sem mochila, uma pessoa desaparecida, um trilho de segurança que foi removido e um carro mudando de cor.

Os detalhes menores que as pessoas não perceberam são uma lâmpada mudando de acesa para apagada e um pequeno ponto dourado aparecendo em um prédio ao fundo.

Mas, mesmo quando a CIA revelou as respostas , alguns avistaram dois pequenos detalhes extras que haviam mudado, comentando: “Há mais de 10!”.

Usuários com olhos de águia também encontraram uma linha de tinta faltando no arco de um túnel à esquerda, e um emblema sendo adicionado a um carro estacionado no primeiro plano da imagem.

A CIA adicionou um segundo tweet para dizer: “Quantas você encontrou? Se você encontrou mais de 10 diferenças, você tem uma ótima habilidade de observação. Sempre busque oportunidades para aprender mais.”

Foi fácil demais para alguns, que afirmaram ter completado o desafio em menos de um minuto . E você, conseguiria descobrir todas?

Leia Também:  Desastre: Restauração de obra dá errado e viraliza na internet; veja
Fonte: IG Mundo

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MUNDO

EUA acusam Hezbollah de estocar armas e nitrato de amônio em toda a Europa

Publicados

em


source
a
Reprodução

A alegação de que o Hezbollah está movendo e armazenando nitrato de amônio em toda a Europa vem seis semanas após uma explosão devastadora no porto de Beirute


Os EUA acusaram o Hezbollah de armazenar armas e nitrato de amônio para uso explosivos em esconderijos de em toda a Europa nos últimos anos, com o suposto objetivo de preparar-se para futuros ataques ordenados pelo Irã.


A declaração foi feita pelo coordenador de Contraterrorismo do Departamento de Estado, Nathan Sales, que pediu aos países europeus que adotem uma linha mais dura contra o movimento político xiita libanês apoiado por Teerã e as milícias.

A alegação de que o Hezbollah está movendo e armazenando nitrato de amônio em toda a Europa surge seis semanas depois que um depósito cheio de nitrato de amônio detonou no porto de Beirute, devastando a capital libanesa.

Está em andamento uma investigação sobre a explosão e como o produto químico, que é usado tanto como fertilizante quanto como explosivo, ficou no porto por seis anos após ser confiscado de um navio. O Hezbollah tem influência significativa no funcionamento do porto.

Leia Também:  OMS: autorização emergencial para vacinas contra covid-19 requer muito cuidado

“Posso revelar que esses depósitos [de armas do Hezbollah] foram transferidos da Bélgica para a França, Grécia, Itália, Espanha e Suíça. Também posso revelar que depósitos significativos de nitrato de amônio foram descobertos ou destruídos na França, Grécia e Itália”, disse Sales em uma aparição em vídeo no Comitê Judaico Americano, grupo de defesa com sede nos Estados Unidos.

“Por que o Hezbollah armazenaria nitrato de amônio em solo europeu? A resposta é clara. Pode conduzir grandes ataques terroristas sempre que seus líderes em Teerã considerarem necessário”, acrescentou Sales.

A União Europeia (UE) designou a ala militar do Hezbollah como um grupo terrorista, mas não a sua ala política, devido à falta de unanimidade sobre o assunto. O Reino Unido e a Alemanha nomearam toda a organização como entidade terrorista no início deste ano, e os Estados Unidos têm feito lobby para que o resto da Europa faça o mesmo.

“O Hezbollah representa um perigo claro e presente para os EUA. O Hezbollah representa um perigo claro e presente para a Europa hoje”, disse Sales.

Leia Também:  Desastre: Restauração de obra dá errado e viraliza na internet; veja

“O resultado final é que a abordagem da UE, desde 2013, simplesmente não funcionou. A designação limitada da chamada ala militar do Hezbollah não dissuadiu o grupo de se preparar para ataques terroristas em todo o continente. O Hezbollah continua a ver a Europa como uma plataforma vital para suas atividades operacionais, logísticas e de arrecadação de fundos. E continuará a fazê-lo até que a Europa tome uma ação decisiva , como o Reino Unido e a Alemanha fizeram.”

As acusações dos EUA surgiram em um momento de tensão cada vez maior com o Irã desde que o presidente Donald Trump retirou os EUA de um acordo nuclear de 2015 com Teerã e começou a impor um amplo embargo econômico e financeiro.

Neste fim de semana, os EUA alegarão que as sanções da Organização das Nações Unidas (ONU) contra o Irã voltarão a vigorar, após uma suspensão de cinco anos depois do acordo nuclear, embora quase todos os outros membros do conselho de segurança da ONU debatem que os EUA têm o direito de acionar a reimposição de as sanções.

Fonte: IG Mundo

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

DISTRITO FEDERAL

GOIÁS

SEGURANÇA

BRASIL E MUNDO

MAIS LIDAS DA SEMANA