GOIÁS

Agosto Dourado celebra e incentiva o aleitamento materno

Publicados

em


.

O Hospital Estadual Materno-Infantil Dr. Jurandir do Nascimento (HMI) vai promover, no dia 5 de agosto, um evento com as gestantes e puérperas internadas na unidade do Governo de Goiás, para lembrar o Dia Mundial da Amamentação, comemorado em 1º de agosto.

A celebração se estende com a Semana Mundial do Aleitamento Materno e por todo o mês do Agosto Dourado, no intuito de incentivar a amamentação no Brasil e no mundo. Este ano, o lema da campanha  “Apoie o aleitamento materno por um planeta saudável” se concentrará no impacto da alimentação infantil no meio ambiente.
 
Referência em Goiás, o HMI abriga o Banco de Leite Humano (BLH), que promove a saúde da mulher e da criança com o incentivo ao aleitamento materno, que garante o primeiro alimento da vida. É por meio do leite materno que o corpo se desenvolve e é fortalecido, para que as mais variadas doenças sejam prevenidas.

Por isso, o BLH do Materno-Infantil disponibiliza leite humano para recém-nascidos prematuros e de baixo peso. Além disso, promove  informação sobre os benefícios do leite materno e reforça o quanto esse ato de amor é essencial no desenvolvimento da criança.

Leia Também:  Governo de Goiás atualiza normas sobre atos oficiais após quase 20 anos

Na comemoração do dia 5, o HMI promoverá apresentação de vídeo com o lema da campanha, exibição de vídeo do Ministério da Saúde sobre amamentação, tira-dúvidas com profissional da saúde, distribuição de máscaras e enxoval. “Nosso foco é divulgar ao máximo a importância do aleitamento materno e ajudar as mães que enfrentam dificuldades”, explica a coordenadora do Banco de Leite Humano do HMI, Renata Leles.
 
Banco de Leite

O Banco de Leite do HMI estimula o aleitamento materno desde quando foi fundado, há 31 anos, e é abastecida com doações de mães com excedente de leite, que realizam a doação no próprio local ou armazenam o produto em casa. Para coletar o material, o BLH conta com o apoio do Corpo de Bombeiros Militar de Goiás, que disponibiliza veículo e profissionais de apoio. As profissionais vão até as residências das doadoras e, além de coletar o leite, fazem um trabalho de orientação às mães.

Após a coleta, o leite é analisado e pasteurizado para que fique em condições sanitárias de consumo. O leite é então congelado, podendo ficar armazenado por seis meses. O BLH é pioneiro na realização de atividades voltadas para a conscientização da importância do aleitamento materno e da doação de leite, o que contribui com a certificação de Hospital Amigo da Criança, concedida por meio da Iniciativa Hospital Amigo da Criança, idealizada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pelo Unicef.

Leia Também:  Seminário celebra os 12 anos da Convenção dos Direitos das Pessoas com Deficiência

Comunicação Secretaria da Saúde

Fonte: Governo GO

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

GOIÁS

Goiás tem 2.023 mortes e 87.200 contaminados pela Covid-19

Publicados

em


.

A Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO) informa que há 87.200 casos de doença pelo coronavírus 2019 (Covid-19) no território goiano. Destes, há o registro de 78.432 de pessoas recuperadas e 2.023 óbitos confirmados. No Estado, há 147.518 casos suspeitos em investigação. Outros 69.232 já foram descartados.

Há 2.023 óbitos confirmados de Covid-19 em Goiás até o momento, o que significa uma taxa de letalidade de 2,32%. Há 55 óbitos suspeitos que estão em investigação. Já foram descartadas 951 mortes suspeitas nos municípios goianos.

Painel Covid-19

O boletim com as notificações da SES-GO foi informatizado e realiza o processamento dos dados a partir dos sistemas do Ministério da Saúde (e-SUS VE e Sivep Gripe). Eventuais diferenças são justificadas por ajustes nas fichas de notificação pelos municípios, como por exemplo, a atualização do local de residência da pessoa.

Para conferir os detalhes dos casos e óbitos confirmados, suspeitos e descartados, acesse o painel Covid-19 do Governo de Goiás por meio do link http://covid19.saude.go.gov.br/

Sobre os dados

Desde as primeiras confirmações de doença pela Covid-19, a SES-GO divulga boletins diários com atualizações sobre os casos confirmados e óbitos. Os números são dinâmicos e passíveis de mudanças após investigação mais detalhada de cada situação. Os boletins são elaborados a partir dos dados inseridos nos sistemas e-SUS VE e SIVEP Gripe, do Ministério da Saúde, pelas diversas instituições de saúde cadastradas no Estado, conforme endereço de residência informado pelos usuários.

Leia Também:  VEPERA suspende apresentações bimestrais obrigatórias de agosto e outubro

Os dados podem ser alterados para mais ou para menos conforme investigação das Vigilâncias Epidemiológicas Municipais e atualização das fichas de notificações pelos municípios nos sistemas oficiais. Diante de eventuais inconsistências nos números, estes serão atualizados a partir das correções feitas pelas cidades nos sistemas de notificação.

O responsável pela notificação deve registrá-la e mantê-la devidamente atualizada nos sistemas oficiais de notificação, desta forma, se cada um fizer corretamente sua parte, a informação é democratizada e disponibilizada a todos em tempo oportuno.

Os dados deste boletim foram divulgados às 15h de segunda-feira, 10 de agosto.

Comunicação Setorial SES – Governo de Goiás

Fonte: Governo GO

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

DISTRITO FEDERAL

GOIÁS

SEGURANÇA

BRASIL E MUNDO

MAIS LIDAS DA SEMANA