DISTRITO FEDERAL

Brasília Ambiental concede licença para pavimentar a DF-131

Publicados

em


Quando concluídas, obras levarão infraestrutura às comunidades rurais | Foto: Divulgação/Brasília Ambiental

O Instituto Brasília Ambiental concedeu Licença Ambiental Simplificada (LAS) ao Departamento de Estradas e Rodagens (DER) para a melhoria da rodovia DF-131. Com a liberação, o trecho localizado entre a DF-128 e a DF-205 poderá receber obras de pavimentação, drenagem, terraplanagem e outras benfeitorias, além da recuperação ambiental das áreas diretamente afetadas. A LAS concedida tem duração de dez anos e será publicada no Diário Oficial do DF.

6,3 kmentre as rodovias DF-128 e DF-205 vão receber obras que beneficiam a população de Planaltina

As intervenções – que abrangem uma extensão de 6,3 km – beneficiarão a população de Planaltina, especialmente da comunidade do Monjolo, que espera pela mudança há muito tempo. “O Brasília Ambiental tem trabalhado com dedicação para recepcionar obras que promovam melhorias de infraestrutura para a população de todo o DF”, aponta o superintendente de Licenciamento do Brasília Ambiental, Alisson Neves. “Com tranquilidade e segurança técnica e jurídica ambiental, a prioridade é sempre avançar pelo desenvolvimento sustentável.”

Neves reforça que as obras em áreas próximas a unidades de conservação (UCs) merecem atenção ainda maior do ponto de vista ambiental. Nesse caso, o local da pavimentação fica na zona de amortecimento da Estação Ecológica Águas Emendadas (Esecae). “Houve uma preocupação especial com a fauna da região, quando foi determinado, pela licença, a instalação de equipamentos que garantam a segurança dos animais silvestres da área”, lembra.

Leia Também:  Semas habilita o 21º município à análise e validação do Cadastro Ambiental Rural (CAR)

Padrão 

A LAS tem efeito das três licenças padrões, que são a Prévia (LP), a de Instalação (LI) e de Operação (LO). É um procedimento administrativo que avalia, de uma só vez, a localização, a viabilidade ambiental e as condições de instalação e operação de um determinado empreendimento ou atividade de pequeno potencial de impacto ambiental.

No ano passado, o Brasília Ambiental registrou a marca histórica de mil licenças e autorizações ambientais no biênio 2019/2020. Também foram expedidas licenças ambientais para importantes obras públicas e privadas – como a pavimentação da Rodovia VC-371, a estação de tratamento do chorume do Aterro Sanitário de Brasília, o sistema de drenagem pluvial da Região Administrativa de São Sebastião e de Santa Maria, a execução de ponte sobre o córrego Samambaia e a ampliação da capacidade viária da DF-003, no trecho entre o Viaduto do Torto e o do Colorado.

O licenciamento ambiental é o procedimento administrativo obrigatório pelo qual o órgão ambiental competente – no caso do DF, o Brasília Ambiental – licencia localização, instalação, ampliação e operação de empreendimento e atividades utilizadoras de recursos ambientais, após a análise de possíveis impactos ambientais.

Leia Também:  Inscrições para residência técnica em gestão ambiental são prorrogadas

* Com informações do Brasília Ambiental

Fonte: Governo DF

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

DISTRITO FEDERAL

Saúde remobiliza mais 30 leitos de UTI Covid nesta segunda-feira

Publicados

em


No sábado, 20 leitos no Hospital Regional da Asa Norte entraram em funcionamento| Foto: Geovana Albuquerque/Secretaria de Saúde

A Secretaria de Saúde ampliou a oferta de leitos de UTI Covid no Distrito Federal. Desde a última sexta-feira (26), a pasta já mobilizou 66 leitos em hospitais públicos e privados contratados.

66leitos de UTI Covid foram mobilizados desde sexta-feira (26)

O Comitê de Crise da Secretaria de Saúde, reunido na noite deste domingo (29), conseguiu organizar o sistema da rede pública para que, na manhã desta segunda-feira (1º/3), pudessem entrar em operação 20 leitos no Hospital Regional do Gama e dez no Hospital Regional de Ceilândia.

O secretário de Saúde, Osnei Okumoto, lembrou que, na sexta-feira (26), passaram a funcionar sete leitos no Hospital Regional de Samambaia, cinco no Hospital Home e quatro no Hospital Daher. No sábado, 20 leitos no Hospital Regional da Asa Norte também entraram em funcionamento.

“Estamos reunindo todas as nossas forças e contando com a colaboração inestimável dos profissionais de saúde da secretaria para alcançarmos o objetivo de abrir mais leitos de UTI para a população”Osnei Okumoto, secretário de Saúde

“Por determinação do governador Ibaneis Rocha, estamos reunindo todas as nossas forças e contando com a colaboração inestimável dos profissionais de saúde da secretaria para alcançarmos o objetivo de abrir mais leitos de UTI para a população”, explicou Okumoto.

Leia Também:  Team Águia Footvolley marca presença em Brasília

A pasta informa que trabalha para ampliar a oferta de leitos com suporte de ventilação mecânica para assistir à população do DF que necessita de cuidados intensivos no tratamento da Covid-19. Serão mobilizados mais leitos ao longo desta semana.

*Com informações da Secretaria de Saúde

Fonte: Governo DF

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA