CEARÁ

155 Escolas de Ensino Médio em Tempo Integral ofertam vagas para alunos novatos

Publicados

em


O período de matrícula para alunos novatos nas 155 Escolas de Ensino Médio em Tempo Integral (EEMTIs) começa nesta quinta-feira (14). As vagas são destinadas aos estudantes oriundos da rede particular, de outros estados ou que abandonaram a escola e desejam retomar os estudos em uma unidade de ensino da rede pública estadual.

Neste ano, a matrícula para as 49 EEMTIs de Fortaleza ocorrerá de forma online por meio da plataforma matricula.seduc.ce.gov.br. Trata-se de um novo sistema desenvolvido pela Secretaria da Educação (Seduc) com o objetivo de agilizar o atendimento e garantir mais segurança neste período de distanciamento social ocasionado pela pandemia da Covid-19.

O atendimento presencial na capital será destinado apenas aos pais que não dispõem de acesso à internet. As medidas previstas nos protocolos sanitários estão sendo reforçadas a fim de evitar aglomerações durante cada etapa do período de matrícula.

Nas 22 EEMTIs no interior do estado, o processo de matrícula acontecerá de forma presencial, seguindo o cronograma estabelecido por cada Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação (Crede).

Leia Também:  Emprego: 596 vagas nesta quinta (22)

Documentos necessários

Para realizar a matrícula de forma online, devem ser anexados os seguintes documentos: certidão de nascimento, casamento ou RG e a declaração de matrícula do ano de 2020. Para o processo presencial, é necessário apresentar: cópia da certidão de nascimento; transferência ou declaração de escolaridade; duas fotos 3×4 do estudante; cartão de vacinação (conforme Lei no 16.929 de 09 de julho de 2019 para alunos com até 18 anos de idade e, também, precisamente para os estudantes do Ensino Médio); cópia da identidade e número do CPF; e Número de Identificação Social (NIS) para as famílias cadastradas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal. A ausência de qualquer um desses documentos, no entanto, não impedirá o atendimento.

Matrícula online

Antes de solicitar a matrícula online, é preciso realizar o cadastro do usuário na plataforma matricula.seduc.ce.gov.br. Estudantes maiores de 18 anos ou pais/responsáveis devem acessar o sistema para informar dados pessoais. Ao realizar o cadastro, o sistema gerará o login e a senha de acesso do usuário, que deverá ser usado para fazer a matrícula.

Leia Também:  Tempo ensolarado e quente nesta quinta em São Paulo

No momento da solicitação da matrícula, o responsável pelo estudante ou o próprio aluno poderá preencher até três opções de unidades escolares, por ordem de preferência. É preciso selecionar o tipo de ensino, a série e o turno de interesse. O resultado será indicado pelo sistema. Depois, a vaga precisará ser confirmada com a efetivação da matrícula, presencialmente, na unidade escolar onde a vaga foi obtida.

Tempo Integral

Cada escola de tempo integral oferta uma jornada de nove horas, garantindo três refeições diárias. O currículo é composto por 30 horas semanais de disciplinas da base comum a todos e 15 horas na parte flexível, sendo que 10 são escolhidas pelos alunos.

Este modelo de ensino aumenta o tempo escolar e amplia as oportunidades de aprendizagem que favorecem o desenvolvimento de competências cognitivas e socioemocionais, além do protagonismo estudantil por meio de escolhas de componentes curriculares eletivos.

Fonte: Governo CE

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

CEARÁ

Ouvidoria da Sefaz realiza mais de 5 mil atendimentos em 2020

Publicados

em


A Ouvidoria da Secretaria da Fazenda do Ceará (Sefaz-CE) realizou, em 2020, 5.012 atendimentos, entre sugestões, elogios, solicitações de serviços, denúncias e reclamações. Os canais mais utilizados foram a internet e o telefone 155. Tiveram destaque demandas sobre mercadorias em trânsito, fiscalização de empresas, tramitação de processos, denúncias e dúvidas em relação ao Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA).

Para o coordenador da Assessoria de Controle Interno e Ouvidoria da Sefaz-CE, Marcos Saraiva, a área tem um papel fundamental no relacionamento com o contribuinte. “A missão da Ouvidoria é disseminar a cultura de empatia entre todos os colegas fazendários e os contribuintes. Vemos o cidadão como parceiro da Sefaz. Com o amadurecimento da tecnologia, a relação fica mais transparente”, ressaltou.

Marcos Saraiva revelou que a pandemia de Covid-19 exigiu uma rápida adaptação de sistemas e processos ao regime de teletrabalho. “Apesar das mudanças, não houve descontinuidade ou atrasos no atendimento aos serviços de ouvidoria e a interação com os responsáveis das diversas áreas da Sefaz passou a ser realizada pelo WhatsApp, por e-mail ou ainda por contato telefônico”, afirmou.

Leia Também:  Emprego: 596 vagas nesta quinta (22)

O gestor destacou ainda os objetivos do setor para 2021. Segundo ele, a unidade tem como principal meta dar agilidade às denúncias e fomentar a área de gestão de riscos para conseguir um contato mais direto com o cidadão e melhorar os resultados. “A partir de 2020, começamos a identificar o que se relaciona com a política de gestão de risco. Ao invés de ver apenas a reclamação, analisamos também os processos que estão impactando determinada área”, concluiu.

Serviço

O cidadão pode entrar em contato com a Ouvidoria da Fazenda pelo 155 ou acessar a página www.cearatransparente.ce.gov.br

Fonte: Governo CE

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA