BRASIL

Transportes do Rio têm esquema especial no Dia da Consciência Negra

Publicados

em


Os meios de transporte no Rio de Janeiro vão operar neste feriado pelo dia da Consciência Negra (20), com esquemas especiais. As barcas funcionam com a grade de fins de semana e feriados. Na linha Arariboia, as travessias acontecem a cada 60 minutos desde as 5h30 e vão até as 20h30 no sentido Niterói-Rio. No sentido oposto o horário é das 6h às 21h. Na linha Paquetá, as viagens ocorrem conforme disponível no horário entre 4 e 22h da Praça XV, no centro do Rio, a Paquetá e no inverso das 5h30 às 23h30. A linha Cocotá da Ilha do Governador, na zona norte, não funcionará.

Em cumprimento ao Decreto do Governo do Estado do Rio de Janeiro, que trata das medidas de combate à covid-19, a linha Charitas continua fora de operação.

Para evitar aglomeração nas estações e nas barcas, as roletas estão programadas para que o número de passagens disponibilizadas seja exatamente igual ao número de assentos da embarcação da vez. O uso de máscaras de proteção facial é obrigatório no transporte e empregados da concessionária CCR Barcas orientam os usuários dentro dos terminais e embarcações. As barcas com sistema de ar condicionado estão navegando com as portas abertas, conforme determinação da Capitania dos Portos do Rio de Janeiro.

Leia Também:  Procon apura aumento de preços em itens da cesta básica em SP

Trens

A SuperVia, concessionária responsável pelo sistema de trens no Rio, reforçou a operação para atender ao possível aumento do fluxo de usuários no sistema ferroviário durante esta sexta-feira. Durante a manhã, foram programadas três viagens extras em direção à Central do Brasil. Uma partindo de Japeri, outra de Santa Cruz e a terceira de Saracuruna. À tarde, haverá uma partida da Central do Brasil para Japeri por volta de 16h50 e uma para Santa Cruz, às 17h45.

A concessionária lembrou que nos finais de semana e feriados os trens operam em horários fixos e os clientes podem se planejar a viagem no site da empresa.

Metrô

Como ocorre em feriados, o MetrôRio funcionará das 7h às 23h, mas neste sábado (21) e domingo (22), a operação será com horários regulares de fim de semana. Amanhã das 5h à 0h e no domingo, das 7h às 23h. Nos três dias, a transferência entre as linhas 1 e 2 acontecerá na estação Estácio.

Para agilizar o acesso e evitar filas nas estações, a concessionária orientou para o uso de meios digitais, efetuando o pagamento da passagem diretamente nas catracas ou recarregando online o cartão Giro do MetrôRio.

Leia Também:  Caixa paga 2ª parcela de R$ 300 da extensão do auxílio emergencial

Edição: Valéria Aguiar

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

BRASIL

Amapá: fornecimento de energia é restabelecido e rodízio, suspenso

Publicados

em


Vinte e um dias após um incêndio em uma subestação energética de Macapá deixar 13 das 16 cidades do Amapá sem energia elétrica, a empresa privada concessionária do serviço público, Linhas de Macapá Transmissora de Energia (LMTE), conseguiu colocar em funcionamento um segundo transformador, permitindo o restabelecimento do fornecimento de luz.

Com a restauração da carga de energia de que o sistema necessita para funcionar plenamente, a estatal amapaense responsável pela distribuição da energia elétrica, a Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA), anunciou o encerramento do rodízio imposto pelo incêndio na subestação pertencente a LMTE.

“A normalização do serviço ocorreu após a entrada em funcionamento do segundo transformador, esta madrugada”, informa a CEA, em nota. “Com isto, o fornecimento foi garantido em 100% para atender os 13 municípios que foram afetados com o acidente na subestação de Macapá, no dia 3 de novembro […] e o rodízio do fornecimento de energia foi oficialmente encerrado”, acrescenta a companhia.

Segundo o Ministério de Minas e Energia, o segundo transformador da subestação Macapá foi energizado por volta das 3h30 de hoje (24), possibilitando que o fornecimento de energia elétrica fosse restabelecido. “O sistema elétrico do Amapá conta, atualmente, com o suprimento a partir de dois transformadores na subestação (que conecta o estado ao Sistema Interligado Nacional), da geração da usina hidrelétrica Coaracy Nunes e da geração térmica local instalada nesta semana”, assinala a pasta, também em nota.

Leia Também:  Autorizado retorno presencial de até 50% dos servidores do Executivo

O transformador que começou a funcionar esta madrugada foi transportado do município de Laranjal do Jari, na região sul do Amapá, a bordo de uma balsa, e chegou à capital no fim da noite do último dia 17. Só o transporte pelo rio demorou cerca de 30 horas.

De acordo com o Ministério de Minas e Energia, outras medidas conjuntas já estão sendo adotadas pelas diversas organizações do setor para “aumentar a confiabilidade” do fornecimento de energia elétrica para a população. Além disso, as razões do incêndio do dia 3, bem como de um segundo blecaute, registrado no último dia 17, estão sendo apuradas.

Edição: Valéria Aguiar

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA