BRASIL

Ministério da Justiça leiloa gado apreendido em operações

Publicados

em


O Ministério da Justiça e Segurança Pública está leiloando 434 cabeças de gado até o dia 24 de novembro. Os animais, 384 bois e vacas e 50 bezerros, foram apreendidos em operações de combate a crimes de lavagem de dinheiro no Mato Grosso. O valor total é avaliado em mais de R$ 1 milhão.

A Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas do Ministério da Justiça e Segurança Pública (Senad/MJSP) tem investido dinheiro de bens apreendidos na polícia. Os policiais são melhor equipados e capacitados com essa verba e, ao mesmo tempo, descapitaliza as organizações criminosas.

Em razão da pandemia da COVID-19, o leilão ocorre exclusivamente na modalidade online. No entanto, os lotes ofertados estão disponíveis para exame e visitação de interessados mediante agendamento prévio via e-mail. Os animais estão na Fazenda Colibri, situada a cerca de 150km de Cuiabá (MT), no município de Santo Antônio do Leverger (MT).

Os lances podem ser efetuados por pessoa física ou jurídica, até as 15h (horário de Brasília) do dia 24 de novembro, por meio do site Canal Judicial.

Leia Também:  SP só permitirá eventos de réveillon e carnaval após vacina

Edição: Pedro Ivo de Oliveira

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

BRASIL

Amapá: fornecimento de energia é restabelecido e rodízio, suspenso

Publicados

em


Vinte e um dias após um incêndio em uma subestação energética de Macapá deixar 13 das 16 cidades do Amapá sem energia elétrica, a empresa privada concessionária do serviço público, Linhas de Macapá Transmissora de Energia (LMTE), conseguiu colocar em funcionamento um segundo transformador, permitindo o restabelecimento do fornecimento de luz.

Com a restauração da carga de energia de que o sistema necessita para funcionar plenamente, a estatal amapaense responsável pela distribuição da energia elétrica, a Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA), anunciou o encerramento do rodízio imposto pelo incêndio na subestação pertencente a LMTE.

“A normalização do serviço ocorreu após a entrada em funcionamento do segundo transformador, esta madrugada”, informa a CEA, em nota. “Com isto, o fornecimento foi garantido em 100% para atender os 13 municípios que foram afetados com o acidente na subestação de Macapá, no dia 3 de novembro […] e o rodízio do fornecimento de energia foi oficialmente encerrado”, acrescenta a companhia.

Segundo o Ministério de Minas e Energia, o segundo transformador da subestação Macapá foi energizado por volta das 3h30 de hoje (24), possibilitando que o fornecimento de energia elétrica fosse restabelecido. “O sistema elétrico do Amapá conta, atualmente, com o suprimento a partir de dois transformadores na subestação (que conecta o estado ao Sistema Interligado Nacional), da geração da usina hidrelétrica Coaracy Nunes e da geração térmica local instalada nesta semana”, assinala a pasta, também em nota.

Leia Também:  Moradores de favela no Rio ficam isolados durante operação policial

O transformador que começou a funcionar esta madrugada foi transportado do município de Laranjal do Jari, na região sul do Amapá, a bordo de uma balsa, e chegou à capital no fim da noite do último dia 17. Só o transporte pelo rio demorou cerca de 30 horas.

De acordo com o Ministério de Minas e Energia, outras medidas conjuntas já estão sendo adotadas pelas diversas organizações do setor para “aumentar a confiabilidade” do fornecimento de energia elétrica para a população. Além disso, as razões do incêndio do dia 3, bem como de um segundo blecaute, registrado no último dia 17, estão sendo apuradas.

Edição: Valéria Aguiar

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA